Redução de potência após viabilização da EDP Distribuição

Responder
TNT
Curioso
Curioso
Mensagens: 84
Registado: 29 mai 2008, 23:55

Redução de potência após viabilização da EDP Distribuição

Mensagem por TNT » 03 jul 2019, 13:35

Olá a todos!

A EDP Distribuição viabilizou a potência de 180 kVA em baixa tensão para o projeto de uma instalação elétrica.
Agora quando foi para se efetuar o ramal disseram que só podia fornecer 110 kVA, porque não tinham reparado na localização da portinhola, que estava mais longe do que o previsto.

Tendo em consideração que a obra já foi executada de acordo com o projeto e existindo nos quadros disjuntores de 200 A a proteger cabos, sendo que a EDP só vai fornecer 160 A, eu tenho que substituir os disjuntores?

Na portinhola tinha previsto fusíveis de 315 A, será que os tenho que substituir para um calibre inferior, para a nova potência fornecida?

Será que a entidade certificadora vai solicitar alterações na instalação devido à redução da potência?

O que me aconselham para deslastrar as cargas não críticas da instalação, de modo a compensar a redução de potência?

Obrigado pela ajuda que me possam dispensar.
Cumprimentos.



ENERGY
Team Apoio
Team Apoio
Mensagens: 5352
Registado: 18 fev 2009, 21:21
Profissão: Eletricista
Localização: Portugal de Norte a Sul
Enviou: 23 vezes
Agradecimiento recebido: 192 vezes

Re: Redução de potência após viabilização da EDP Distribuição

Mensagem por ENERGY » 03 jul 2019, 23:34

TNT Escreveu:
03 jul 2019, 13:35
Olá a todos!

A EDP Distribuição viabilizou a potência de 180 kVA em baixa tensão para o projeto de uma instalação elétrica.
Agora quando foi para se efetuar o ramal disseram que só podia fornecer 110 kVA, porque não tinham reparado na localização da portinhola, que estava mais longe do que o previsto.

Tendo em consideração que a obra já foi executada de acordo com o projeto e existindo nos quadros disjuntores de 200 A a proteger cabos, sendo que a EDP só vai fornecer 160 A, eu tenho que substituir os disjuntores?

Na portinhola tinha previsto fusíveis de 315 A, será que os tenho que substituir para um calibre inferior, para a nova potência fornecida?

Será que a entidade certificadora vai solicitar alterações na instalação devido à redução da potência?

O que me aconselham para deslastrar as cargas não críticas da instalação, de modo a compensar a redução de potência?

Obrigado pela ajuda que me possam dispensar.
Cumprimentos.
Boas
Tratando-se de uma Instalação Elétrica com Projeto, qualquer alteração deve falar com o Projetista.
Cpts.
Energy

Mario Lopes
Velha Guarda
Velha Guarda
Mensagens: 201
Registado: 12 jan 2011, 14:37
Localização: Telheiras - Lisboa
Agradecimiento recebido: 13 vezes

Re: Redução de potência após viabilização da EDP Distribuição

Mensagem por Mario Lopes » 04 jul 2019, 09:13

Que grande caldeirada com a EDP...Os 110 Kva satisfazem a necessidades do cliente? A meu ver não tem que mexer em nada, porque os equipamentos instalados protegem os cabos, e se os mesmos estão dimensionados para isso não á necessidade de alterar.

amoreira
Quadro de Honra
Quadro de Honra
Mensagens: 838
Registado: 22 out 2007, 22:10
Localização: Lisboa
Enviou: 1 vez
Agradecimiento recebido: 9 vezes

Re: Redução de potência após viabilização da EDP Distribuição

Mensagem por amoreira » 04 jul 2019, 12:59

A meu ver se o lapso foi da EDP eles têm de assumir a responsabilidade e os custos inerentes ao ramal e fornecer a potência para a qual deram viabilidade, até porque os 110 kVA podem não ser suficientes para a instalação em causa ou futuras ampliações.

Por vezes para resolver este tipo de situações na EDP temos de ir mais acima na hierarquia, sugiro que tentes falar com o BOSS
-*-*-*-*-*-

TNT
Curioso
Curioso
Mensagens: 84
Registado: 29 mai 2008, 23:55

Re: Redução de potência após viabilização da EDP Distribuição

Mensagem por TNT » 04 jul 2019, 15:50

ENERGY Escreveu:
03 jul 2019, 23:34
TNT Escreveu:
03 jul 2019, 13:35
Olá a todos!

A EDP Distribuição viabilizou a potência de 180 kVA em baixa tensão para o projeto de uma instalação elétrica.
Agora quando foi para se efetuar o ramal disseram que só podia fornecer 110 kVA, porque não tinham reparado na localização da portinhola, que estava mais longe do que o previsto.

Tendo em consideração que a obra já foi executada de acordo com o projeto e existindo nos quadros disjuntores de 200 A a proteger cabos, sendo que a EDP só vai fornecer 160 A, eu tenho que substituir os disjuntores?

Na portinhola tinha previsto fusíveis de 315 A, será que os tenho que substituir para um calibre inferior, para a nova potência fornecida?

Será que a entidade certificadora vai solicitar alterações na instalação devido à redução da potência?

O que me aconselham para deslastrar as cargas não críticas da instalação, de modo a compensar a redução de potência?

Obrigado pela ajuda que me possam dispensar.
Cumprimentos.
Boas
Tratando-se de uma Instalação Elétrica com Projeto, qualquer alteração deve falar com o Projetista.
Boas!

A minha ideia ao criar esta publicação foi partilhar uma situação que é nova para mim e saber se alguém já tinha passado por uma situação destas, nomeadamente com a aprovação de instalações por entidades certificadoras.
Também pretendo partilhar opiniões sobre a melhor maneira de deslastrar cargas não críticas, pois a potencia que a EDP vai fornecer sofreu uma redução relativamente elevada.

TNT
Curioso
Curioso
Mensagens: 84
Registado: 29 mai 2008, 23:55

Re: Redução de potência após viabilização da EDP Distribuição

Mensagem por TNT » 04 jul 2019, 15:53

Mario Lopes Escreveu:
04 jul 2019, 09:13
Que grande caldeirada com a EDP...Os 110 Kva satisfazem a necessidades do cliente? A meu ver não tem que mexer em nada, porque os equipamentos instalados protegem os cabos, e se os mesmos estão dimensionados para isso não á necessidade de alterar.
Boas!

Eu também partilho da sua opinião.

Também pretendo partilhar opiniões sobre a melhor maneira de deslastrar cargas não críticas, pois a potência que a EDP vai fornecer sofreu uma redução relativamente elevada.

TNT
Curioso
Curioso
Mensagens: 84
Registado: 29 mai 2008, 23:55

Re: Redução de potência após viabilização da EDP Distribuição

Mensagem por TNT » 04 jul 2019, 15:57

amoreira Escreveu:
04 jul 2019, 12:59
A meu ver se o lapso foi da EDP eles têm de assumir a responsabilidade e os custos inerentes ao ramal e fornecer a potência para a qual deram viabilidade, até porque os 110 kVA podem não ser suficientes para a instalação em causa ou futuras ampliações.

Por vezes para resolver este tipo de situações na EDP temos de ir mais acima na hierarquia, sugiro que tentes falar com o BOSS
Boas!

Em princípio terei que aceitar os 110 kVA.

A minha questão é relacionada com a obra já executada e qual será o entendimento da entidade certificadora.

Também pretendo partilhar opiniões sobre a melhor maneira de deslastrar cargas não críticas, pois a potencia que a EDP vai fornecer sofreu uma redução relativamente elevada.

ENERGY
Team Apoio
Team Apoio
Mensagens: 5352
Registado: 18 fev 2009, 21:21
Profissão: Eletricista
Localização: Portugal de Norte a Sul
Enviou: 23 vezes
Agradecimiento recebido: 192 vezes

Re: Redução de potência após viabilização da EDP Distribuição

Mensagem por ENERGY » 04 jul 2019, 22:10

TNT Escreveu:
03 jul 2019, 13:35
Olá a todos!

A EDP Distribuição viabilizou a potência de 180 kVA em baixa tensão para o projeto de uma instalação elétrica.
Agora quando foi para se efetuar o ramal disseram que só podia fornecer 110 kVA, porque não tinham reparado na localização da portinhola, que estava mais longe do que o previsto.

Tendo em consideração que a obra já foi executada de acordo com o projeto e existindo nos quadros disjuntores de 200 A a proteger cabos, sendo que a EDP só vai fornecer 160 A, eu tenho que substituir os disjuntores?

Na portinhola tinha previsto fusíveis de 315 A, será que os tenho que substituir para um calibre inferior, para a nova potência fornecida?

Será que a entidade certificadora vai solicitar alterações na instalação devido à redução da potência?

O que me aconselham para deslastrar as cargas não críticas da instalação, de modo a compensar a redução de potência?

Obrigado pela ajuda que me possam dispensar.
Cumprimentos.
Boas
Se a EDPD só vai poder fornecer 110Kvas, só pode pedir certificação para essa potencia.
Se a EDPD viabilizou por escrito em 180Kvas, dentro do prazo da carta enviada pela EDPD deve pedir o respetivo ramal.
A potencia é sempre viável pode é trazer outros encargos que por vezes não são suportáveis por alguns clientes, e depois baixam a potencia.
Neste caso tudo aponta que depois da viabilidade dada penso que por escrito pela EDPD eventualmente viabilizaram outros aumentos de potencia na mesma zona e agora estão aflitos, exija o fornecimento da potencia viabilizada e eles que se desenrasquem, agora o valor do ramal pode ser upa, upa, o cliente que se vá preparando para uma eventual surpresa.
Deve manter toda a Instalação Elétrica de acordo com o projeto, incluindo as respetivas proteções.
Cpts.
Energy

Responder

Voltar para “Discussão Eletricidade”