Potência Contratada - Qual é de facto a potência que posso consumir?

Responder
rnbc
Curioso
Curioso
Mensagens: 16
Registado: 26 dez 2017, 04:49
Profissão: Informático
Enviou: 3 vezes
Agradecimiento recebido: 1 vez

Potência Contratada - Qual é de facto a potência que posso consumir?

Mensagem por rnbc » 26 dez 2017, 18:23

Estive a ler um pouco sobre disjuntores de controle de potência e cheguei à conclusão de que a potência instantânea não é exatamente a contratada mas sim que depende também do tempo de uso. Isto é devido ao facto dos disjuntores não atuarem instantaneamente a não ser quando a potência consumida é muito mais elevada do que o limite (digamos 5 vezes mais). Caso contrário a atuação vai depender do aquecimento dum elemento interno e demora tempo a ocorrer, ao invés da atuação instantânea que depende do campo magnético criado dentro do disjuntor.

No caso dos limitadores digitais o comportamento é similar, pelo menos pelo que pude ler relativamente aos "Interruptores de Controle de Potencia" usados em Espanha aplica-se o gráfico seguinte.
ICP-1024x882.png
Traduzido por miúdos o disjuntor dispara se:

- A potência consumida durante mais de 1 hora for 1.1x a contratada.
- A potência consumida durante cerca de 15 minutos for 1.5x a contratada.
- A potência consumida durante poucos segundos for 2.4x a contratada.
- A potência consumida durante frações de segundo for 5x a contratada.

Em Portugal alguém sabe qual é a margem dada pela EDP? Há normas para isto? Não encontro nada no RTIEBT nem no site da EDP, embora qualquer disjuntor adquirido comercialmente tenha gráficos de resposta conhecidos. Mas a EDP não parece disponibilizar essa informação...



Avatar do Utilizador
nelmindo
Team Apoio
Team Apoio
Mensagens: 5104
Registado: 14 abr 2008, 10:52
Profissão: Electricista
Localização: PORTO
Enviou: 16 vezes
Agradecimiento recebido: 144 vezes

Re: Potência Contratada - Qual é de facto a potência que posso consumir?

Mensagem por nelmindo » 26 dez 2017, 19:46

rnbc Escreveu:
26 dez 2017, 18:23
Estive a ler um pouco sobre disjuntores de controle de potência e cheguei à conclusão de que a potência instantânea não é exatamente a contratada mas sim que depende também do tempo de uso. Isto é devido ao facto dos disjuntores não atuarem instantaneamente a não ser quando a potência consumida é muito mais elevada do que o limite (digamos 5 vezes mais). Caso contrário a atuação vai depender do aquecimento dum elemento interno e demora tempo a ocorrer, ao invés da atuação instantânea que depende do campo magnético criado dentro do disjuntor.

No caso dos limitadores digitais o comportamento é similar, pelo menos pelo que pude ler relativamente aos "Interruptores de Controle de Potencia" usados em Espanha aplica-se o gráfico seguinte.

ICP-1024x882.png

Traduzido por miúdos o disjuntor dispara se:

- A potência consumida durante mais de 1 hora for 1.1x a contratada.
- A potência consumida durante cerca de 15 minutos for 1.5x a contratada.
- A potência consumida durante poucos segundos for 2.4x a contratada.
- A potência consumida durante frações de segundo for 5x a contratada.

Em Portugal alguém sabe qual é a margem dada pela EDP? Há normas para isto? Não encontro nada no RTIEBT nem no site da EDP, embora qualquer disjuntor adquirido comercialmente tenha gráficos de resposta conhecidos. Mas a EDP não parece disponibilizar essa informação...
A potencia contratada origina uma corrente máxima que pode alimentar a habitação considerando 230V como valor de tensão.
Se ultrapassar esse valor, o disjuntor terá autorização para desligar, que será mais ou menos rápido, de acordo com a alta ou baixa corrente acima do valor definido.
Como esses disjuntores ou limitadores, normalmente usam a curva C, ela está definida pela norma e origina essas relações que foram emanadas.

rnbc
Curioso
Curioso
Mensagens: 16
Registado: 26 dez 2017, 04:49
Profissão: Informático
Enviou: 3 vezes
Agradecimiento recebido: 1 vez

Re: Potência Contratada - Qual é de facto a potência que posso consumir?

Mensagem por rnbc » 26 dez 2017, 20:26

Isso também se aplica aos limitadores digitais que a EDP instala nos contadores inteligentes?

HJCruz
Aprendiz
Aprendiz
Mensagens: 106
Registado: 18 jan 2018, 15:56
Profissão: Técnico de Electrónica/Inst. Eléctricas
Localização: Castelo Branco
Enviou: 20 vezes
Agradecimiento recebido: 15 vezes

Re: Potência Contratada - Qual é de facto a potência que posso consumir?

Mensagem por HJCruz » 19 jan 2018, 13:39

Com o Inovgrid o limite é o valor contratado com a EDP que controla o valor por TI. Quanto maior for o valor da tensão da rede maior a potência disponível.
Atenciosamente,
HJCruz

rnbc
Curioso
Curioso
Mensagens: 16
Registado: 26 dez 2017, 04:49
Profissão: Informático
Enviou: 3 vezes
Agradecimiento recebido: 1 vez

Re: Potência Contratada - Qual é de facto a potência que posso consumir?

Mensagem por rnbc » 28 jan 2018, 22:02

HJCruz Escreveu:
19 jan 2018, 13:39
Com o Inovgrid o limite é o valor contratado com a EDP que controla o valor por TI. Quanto maior for o valor da tensão da rede maior a potência disponível.
Isso quer dizer que o valor da corrente admissível muda conforme a tensão?

Ou simplesmente a potência muda porque a tensão muda e a corrente admissível é a mesma, que no fundo era o que já acontecia antes?

Acho que não percebi...

HJCruz
Aprendiz
Aprendiz
Mensagens: 106
Registado: 18 jan 2018, 15:56
Profissão: Técnico de Electrónica/Inst. Eléctricas
Localização: Castelo Branco
Enviou: 20 vezes
Agradecimiento recebido: 15 vezes

Re: Potência Contratada - Qual é de facto a potência que posso consumir?

Mensagem por HJCruz » 29 jan 2018, 08:18

rnbc Escreveu:
28 jan 2018, 22:02
HJCruz Escreveu:
19 jan 2018, 13:39
Com o Inovgrid o limite é o valor contratado com a EDP que controla o valor por TI. Quanto maior for o valor da tensão da rede maior a potência disponível.
Isso quer dizer que o valor da corrente admissível muda conforme a tensão?

Ou simplesmente a potência muda porque a tensão muda e a corrente admissível é a mesma, que no fundo era o que já acontecia antes?

Acho que não percebi...
Sim, acontece o que acontecia antes.
Num receptor resistivo, a potência calcula-se P=U×I.
Para um valor de corrente constante, se a tensão aumentava potência disponível também aumenta.
Mas também não sei qual a tolerância do contador/limitador Inovgrid
Atenciosamente,
HJCruz

Gil82
Velha Guarda
Velha Guarda
Mensagens: 180
Registado: 14 abr 2010, 19:15
Profissão: Engenheiro Eletrotécnico
Localização: Barreiro
Enviou: 3 vezes
Agradecimiento recebido: 24 vezes

Re: Potência Contratada - Qual é de facto a potência que posso consumir?

Mensagem por Gil82 » 07 fev 2018, 15:05

Boas!

Os DCP da EDP não têm esses valores, mas aceitam potência superior à contratada por pouco tempo (picos).
Os digitais são mais precisos que os anteriores que podiam até disparar antes de chegar à corrente contratada.


Cumps!

rnbc
Curioso
Curioso
Mensagens: 16
Registado: 26 dez 2017, 04:49
Profissão: Informático
Enviou: 3 vezes
Agradecimiento recebido: 1 vez

Re: Potência Contratada - Qual é de facto a potência que posso consumir?

Mensagem por rnbc » 21 mar 2018, 02:37

Entretanto falei com alguém que se deu ao trabalho de testar o DCP e para o caso dele, com 15A contratados, deu 1.4× essa corrente durante 4.5 minutos, tendo disparado depois.

Sendo um único ponto de amostragem vale o que vale: pouco. Mas tendo em consideração que é um aparelho basicamente para o mercado Espanhol (feito na China mas comercializado para Portugal pela subsidiária em Espanha da Landis & Gyr), se calhar o gráfico é muito similar ao dos espanhóis.

Note-se que no caso deles para 1.5× "desconecta antes de 15 minutos", não diz se é 5 minutos ou 2 ou 9, diz só "antes de", e 1.1× "no desconecta antes de 1h", o que pode ser 2h por exemplo... portanto dá alguma margem para as distribuidoras serem mais ou menos apertadas. Se com 1.4× desliga em 4.5 minutos eu até diria que é apertado pelos padrões espanhóis.

Se alguém tiver mais informações... ;)
Gil82 Escreveu:
07 fev 2018, 15:05
Boas!

Os DCP da EDP não têm esses valores, mas aceitam potência superior à contratada por pouco tempo (picos).
Os digitais são mais precisos que os anteriores que podiam até disparar antes de chegar à corrente contratada.


Cumps!

rnbc
Curioso
Curioso
Mensagens: 16
Registado: 26 dez 2017, 04:49
Profissão: Informático
Enviou: 3 vezes
Agradecimiento recebido: 1 vez

Re: Potência Contratada - Qual é de facto a potência que posso consumir?

Mensagem por rnbc » 01 jul 2018, 02:11

Só para dizer que entretanto foi mudado o contador em casa dos meus pais que têm 6.9kVA contratados para um com DCP. Ora aquilo a consumir 9.2kVA aguenta cerca de 5 minutos antes de disparar. Bate certo com a suposta curva de disparo do disjuntor. Pode-se dizer que o DCP está bem calibrado, mas também já era de esperar num equipamento destes :)

RicardoENTA
Aprendiz
Aprendiz
Mensagens: 128
Registado: 09 out 2016, 14:14
Profissão: Estudante
Localização: Açores, São Miguel
Agradecimiento recebido: 9 vezes

Re: Potência Contratada - Qual é de facto a potência que posso consumir?

Mensagem por RicardoENTA » 12 fev 2019, 00:23

Boas..

Relativamente ao gráfico abaixo, as curvas de disparo apresentadas parecem ser para sobrecargas certo? o fabricante é a hager.

No entanto preciso escolher um disjuntor em relação ao Icc mínimo. Podem confirmar se estes gráficos servem e como lê los.. porque supostamente o eixo X devia estar em kA e não em In.


curva de disparo.png
Ninguém é tão pequeno que não possa ensinar, nem tão grande que não possa aprender"

Avatar do Utilizador
nelmindo
Team Apoio
Team Apoio
Mensagens: 5104
Registado: 14 abr 2008, 10:52
Profissão: Electricista
Localização: PORTO
Enviou: 16 vezes
Agradecimiento recebido: 144 vezes

Re: Potência Contratada - Qual é de facto a potência que posso consumir?

Mensagem por nelmindo » 12 fev 2019, 22:43

RicardoENTA Escreveu:
12 fev 2019, 00:23
Boas..

Relativamente ao gráfico abaixo, as curvas de disparo apresentadas parecem ser para sobrecargas certo? o fabricante é a hager.

No entanto preciso escolher um disjuntor em relação ao Icc mínimo. Podem confirmar se estes gráficos servem e como lê los.. porque supostamente o eixo X devia estar em kA e não em In.



curva de disparo.png
Sim, é para sobrecargas. O Icc está inscrito na caixa. Estes gráficos são apenas as curvas de resposta, em relação ao In

Responder

Voltar para “Dúvidas”