Conclusão Obra - KNX

migjac
Velha Guarda
Velha Guarda
Mensagens: 526
Registado: 08 mai 2008, 17:52
Enviou: 5 vezes
Agradecimiento recebido: 12 vezes

Re: Conclusão Obra - KNX

Mensagem por migjac » 03 jan 2019, 22:20

zedopipo Escreveu:
24 dez 2018, 19:45
Boa tarde,

Alguem me pode ajudar a escolher um actuador knx? Que diferença faz as cargas capacitivas? Alguns nao têm outros varia entre 50 e 200uF.

Em que tipo de luzes esta carga é importante?

Obrigado
Gostava de poder ajudar mas também tenho a mesmo duvida.
Esperemos que alguém com conhecimento se pronuncie.



Brunof
Faça a sua apresentação
Faça a sua apresentação
Mensagens: 1
Registado: 04 jan 2019, 11:19
Profissão: Engenheiro Electrotécnico
Localização: Lisboa

Re: Conclusão Obra - KNX

Mensagem por Brunof » 04 jan 2019, 12:03

Caro Kiterio,
Por acaso acedi a este forum e decidi ler alguns dos comentários aqui feitos, em que não resisti a comentar de uma forma em geral.
Curiosamente! verifico que o tema "Conclusão Obra - KNX" se inicia em 1/Fev. 2018 e em 24/Dez. 2018, bem pensei o tema continua "aceso", contudo não sei se a obra dita "conclusão" está terminada. Da minha experiência, arrisco a dizer que não está?
Caros donos de obra, tenho como premissa para as obras de domótica que faço o seguinte:
1. O tempo de execução de uma obra com domótica é 2 a 3 vezes superior a uma obra dita tradicional!
2. Os custos de execução de uma obra com domótica são pelo menos 5 x superior a uma obra dita tradicional. Atenção que refiro-me aos custos do que é domótica, ou seja, tomadas, etc, ficam de fora.
3. Uma obra de domótica deve ser pensada no "papel", pode ser um projecto de execução feito no pc, poder ser uma esboço em papel, mas o importante mesmo é que o dono de obra ( ou a pessoa da sua inteira confiança) saiba o que foi feito, que tenha as telas finais/esboços da instalação eléctrica da sua casa e tenha consigo as senhas de acesso à programação (obrigatório no KNX), porque numa obra de domótica vai precisar de um serviço pós venda de uma empresa séria, de qualidade, disponível...isso e um pouco mais, competente! Já pensaram em comprar um carro de gama alta e não ter assistência técnica...
4. Uma obra de dómotica deve ser para servir necessidades dos utilizadores, ter funções fáceis e úteis a todos os utilizadores, estar ao nivel do utilizador e não necessitar de um técnico sempre que quer criar um cenário.. ou precisa de trocar um produto (sim, porque a electrónica t~em duração de vida) domótica por "luxo" é um erro brutal, mas que pode pode.
5. No meu caso próprio NUNCA instalo KNX em casas de habitação. Em Habitação trabalho em exclusivo com My Home da Bticino porque considero ser um produto muito bom, muito mais facil de configurar que o KNX, mesmo ao nivel do cliente final, com melhor preço, com design, e tem toda, mas toda a informação no site. poder ser programado por um simples electricista...e em caso de avaria e muito facil colocar uma peça sem precisar de um técnico especializado, pode ser mesmo o dono de obra ou o ajudante de electricista (para isso convém ter as ditas telas finais). Também instalo KNX, mas noutro tipo de obra que o justifique.

Espero ter contribuido com reflexão importante aos donos de obra, e aos meus colegas de mercado que gostam e adoram o KNX aqui vai a minha mais sincera opinião, relembarando que também gosto do KNX mas para obras de escritórios, Hoteis, etc (sector terciário).
Para que quiser consultar Bticino (Marca do Grupo Legrand) aqui vai um link entre... https://www.bticino.com/solutions/home-automation/
Cumprimentos
Bruno Filipe

rfssantos
Curioso
Curioso
Mensagens: 32
Registado: 09 jun 2011, 11:44
Localização: Porto

Re: Conclusão Obra - KNX

Mensagem por rfssantos » 18 fev 2019, 21:04

migjac Escreveu:
03 jan 2019, 22:20
zedopipo Escreveu:
24 dez 2018, 19:45
Boa tarde,

Alguem me pode ajudar a escolher um actuador knx? Que diferença faz as cargas capacitivas? Alguns nao têm outros varia entre 50 e 200uF.

Em que tipo de luzes esta carga é importante?

Obrigado
Gostava de poder ajudar mas também tenho a mesmo duvida.
Esperemos que alguém com conhecimento se pronuncie.
Isto tem a ver com cargas originadas por transformadores, nomeadamente balastros de luzes fluorescentes (estes tem tendência a "colar" os relays). Denota também a resistência dos contactos, que são tanto mais resistentes quanto mais resistem a cargas capacitivas.
Outra coisa a verificar é que alguns são monoestáveis ou biestáveis. Os monoestáveis será necessário aplicar corrente para manter um dos estados, enquanto os segundos mantêm-se em ambos os estados sem corrente, servindo a corrente apenas para trocar o estado.

Responder

Voltar para “Automatismos / Domótica”